Agronegócio

Boas práticas de agricultura em Várzea Alegre marcam o Encontro de Produtores Orgânicos do Nordeste

O evento contou com três dias de oficinas, vistas de campo e trocas de experiências

A cidade de Várzea Alegre sediou, de 20 a 22 de janeiro, o Encontro de Produtores Orgânicos do Nordeste, que teve como tema as “Novas tecnologias para sustentabilidade da Agricultura Orgânica”. Sediado no auditório da Escola Dr. Dário Batista Moreno, o encontro teve apoio do Sebrae/CE, Banco do Nordeste, da Universidade Federal do Ceará (UFC) e Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab). Além do Ceará, produtores de outros cinco estados do Nordeste marcaram presença no evento: Rio Grande do Norte, Pernambuco, Sergipe, Bahia e Alagoas.

Os três dias da programação do Encontro de Produtores Orgânicos do Nordeste incluíram debates, oficinas e visitas a projetos de produção de hortaliças, frutas e legumes orgânicos implantados em Várzea Alegre, forma de conhecer e valorizar as boas práticas de agricultura do município cearense.

No distrito de Canindezinho, os participantes conheceram o Ecoponto do sítio Juazeirinho, a Mandala e a criação de caprinos e suínos do sítio Exu; na localidade de Calabaça, os projetos de apicultura e de produção de polpa de frutas e horta orgânica do sítio Graiado; no Ibicatu, os projetos de bioágua e de fruticultura e horta ecológica da Escola Joaquim Alves de Oliveira. Os participantes também foram apresentados à experiência da Floresta do Bode – sítio Cajazeiras e o Engenho Chá de Pai, em Quitaús – Lavras da Mangabeira.