Inovação

Desafio Startup Ceará irá mobilizar professores e universitários de todas as regiões do estado

A iniciativa contará com atividades online divididas em três etapas

O Sebrae/CE realizou na última sexta-feira (31) o lançamento do Desafio Startup Ceará, competição online entre estudantes universitários que terão o desafio de desenvolver ideias e negócios inovadores para os potenciais produtivos do Estado. O lançamento da iniciativa foi realizado em um encontro online, reunindo representantes de universidades e faculdades da capital e do interior do estado.

O diretor de administração e finanças do Sebrae/CE, Airton Gonçalves, abriu o encontro destacando os resultados da edição do ano passado, que foi realizada de forma presencial. “No ano passado, foram realizados 18 encontros em 12 municípios, com a participação de 800 estudantes. E a final, realizada em Fortaleza, com a participação de 60 universitários. Alguns dos projetos participantes acabaram despertando a atenção de investidores”.

De acordo com ele, a edição deste ano tem o desafio de ser realizada de forma online por conta das restrições impostas pela pandemia. Mas, para que a iniciativa tenha êxito como nas edições anteriores, segundo Airton, o Sebrae conta com o apoio das universidades e faculdades do estado e com uma rede de parceiros da instituição.

Para o professor da Universidade Federal do Ceará (UFC) e conselheiro estadual do Sebrae, Augusto Albuquerque, o Desafio Startup ajuda a transformar os jovens a partir do conhecimento sobre o empreendedorismo.  “Eu pude assistir a final do ano passado e três coisas me chamaram a atenção: a capilaridade, pois a final reuniu estudantes de várias regiões; a multissetorialidade, pois haviam alunos de vários cursos e de instituições públicas e privadas e a terceira coisa foi o vigor da capacitação no empreendedorismo e este estudantes vão levar isso para suas vidas, suas famílias e para a sociedade”.

Desafio

Durante o encontro, o articulador da Unidade de Gestão da Cultura Empreendedora do Sebrae/CE, Régis Dias, destacou que o Desafio será dividido em três etapas que se estenderão até o mês de novembro. Na primeira fase, serão realizados Seminários Regionais Online para debater os Potenciais Econômicos, Crise e Soluções, que ajudarão os estudantes a terem insumos sobre os potenciais de cada região do estado e para auxiliar no desenvolvimento de ideias e soluções a serem propostas. 

A segunda fase será a realização do Desafio Online, que acontecerá dividida em cinco eventos contemplando diferentes regiões do estado. Nesta etapa, os estudantes, com o apoio dos professores/mentores, terão uma semana intensiva para criar suas startups e apresentar suas soluções. A terceira etapa reunirá os vencedores de cada evento regional em semifinais, que ocorrem nos dias 03 a 06 e 10 a 13 de novembro. E a grande final acontecerá de 16 a 18 de novembro.

Já o analista do Sebrae/CE, Glauber Uchoa, que coordenada o Desafio Startup Ceará, disse que outro grande diferencial da edição deste ano será a criação da rede de professores mentores, para auxiliar os alunos durante o desafio. Para isso, segundo ele, o Sebrae irá disponibilizar conteúdos e capacitação para estes professores, além de repassar a eles novas metodologias. “Esta iniciativa ajuda incrementar o ecossistema de inovação do estado, ao mesmo tempo que cria condições para que os professores possam registrar estas mentorias como produção técnica e acadêmica para o Lattes”.

SERVIÇOS

Desafio Startup Ceará

Inscrições e mais informações estão disponíveis no endereço eletrônico: https://www.desafiostartup.com.br/