Premiação

Sebrae entrega Selo de Qualidade a empresas do segmento de turismo

Das 140 agraciadas, 82 empresas conquistaram o Selo Ouro, 30 o Selo Prata e 28 o Selo Bronze

Empresas do segmento de alimentação fora do lar, hospedagem e eventos de todas as regiões do estado, recebem nesta quinta-feira (6) o Selo de Qualidade em Serviços do Sebrae. No total, serão agraciadas 140 empresas que se destacaram pela excelência no atendimento e na prestação de serviços.

A novidade da edição deste ano do programa é que os vencedores do selo foram divididos em três categorias: ouro, prata e bronze. Na categoria bronze, estão os empreendimentos que conseguiram cumprir de 80 a 85% em cada um dos cerca de 200 itens avaliados pela comissão julgadora do programa. Já na categoria prata, estão as empresas que obtiveram índice de avaliação entre 86 e 90%. Os vencedores da categoria ouro, foram aqueles que conquistaram mais de 90% em todos os itens avaliados.

Das 140 agraciadas, 82 empresas conquistaram o Selo Ouro, 30 o Selo Prata e 28 o Selo Bronze. Todas elas passaram por um criterioso processo de avaliação, onde foram analisados diversos itens ligados a estrutura, funcionamento e qualidade, como o estado das instalações físicas das empresas, o atendimento às normas de segurança, o armazenamento e manipulação de alimentos, a correta destinação dos resíduos e as boas práticas de atendimento, entre outros quesitos.

Após esta avaliação inicial as empresas receberam um relatório com a análise de todos os pontos e as sugestões de melhorias, além de um prazo para os ajustes necessários. Passado este prazo, elas passaram por uma nova visita dos avaliadores, para a elaboração do relatório final.  Ao final da nova avaliação, os resultados seguem para uma análise final de um Comitê Gestor, formado por representantes de instituições do segmento de turismo, que é responsável por definir quais empresas seriam agraciadas com a certificação e as categorias de cada uma delas.

Para a gestora estadual do programa, Evelyne Tabosa, a conquista do Selo é o reconhecimento ao esforço e dedicação dos empreendedores do segmento do turismo e de seus colaboradores em oferecer produtos e serviços cada vez mais qualificados aos clientes. “Conquistar o Selo não é uma tarefa fácil e por isso aqueles que conseguem, merecem o nosso reconhecimento por terem cumprido todas as exigências do programa e aqueles que, por algum motivo, não foram contemplados este ano não devem desanimar, devem continuar trabalhando, melhorando e buscando se qualificar mais e mais”.

Evelyne destaca ainda que, mais do que uma premiação, o Selo é uma importante ferramenta de qualificação dos empreendimentos turísticos do estado. “O Selo não é apenas um prêmio, ele faz uma verdadeira consultoria dos estabelecimentos apontando acertos, mas também pontos a serem melhorados, some-se ao fato de também ser uma certificação anual, exigindo que os empreendedores estejam sempre atentos às necessidades de melhorias. Tudo isso vem, ao longo destes mais de 20 anos de existência do programa, contribuindo para a constituição de uma rede de serviços turísticos qualificados em todo o Ceará”.