Economia Criativa

Sebrae recebe encontro do Comitê de candidatura de Fortaleza à Rede de Cidades Criativas

A Rede Mundial é formada por 180 cidades de 72 países

Os integrantes do Comitê Gestor da candidatura de Fortaleza à Rede Mundial de Cidades Criativas da Unesco se reuniram na última quinta-feira (04) na sede do Sebrae Ceará. Durante o encontro foi realizada uma avaliação do andamento do trabalho de elaboração do dossiê que será enviado à Unesco pleiteando a inclusão da capital cearense na Rede Mundial, que atualmente é composta por 180 cidades distribuídas por 72 países. No Brasil, integram essa rede as cidades de Salvador, Santos, Curitiba, Brasília, João Pessoa, Belém, Paraty e Florianópolis.

A Rede de Cidades Criativas da UNESCO é uma plataforma internacional que conecta cidades para compartilhar experiências, ideias e melhores práticas no campo das indústrias criativas e do desenvolvimento urbano. Cada cidade integrante precisa estar identificada em uma das sete áreas temáticas da economia criativa definida pela Unesco: artesanato e artes folclóricas, design, cinema, gastronomia, literatura, artes midiáticas ou música.

A candidatura de Fortaleza tem como área temática o Design e por isso, o dossiê de candidatura precisa conter um conjunto de informações sobre o cenário, realizações, políticas públicas, ações de fomento, marcos legais, pesquisas, entre outros, deste segmento na cidade. Para isso, um comitê gestor formado por representantes de várias instituições como Sebrae, Prefeitura de Fortaleza, FIEC, Fecomércio, além de associações de profissionais estão envolvidos na elaboração deste documento, que precisa ser enviado à Unesco até o final de junho.

Para o superintendente do Sebrae, Joaquim Cartaxo, a inclusão de Fortaleza no rol de cidades criativas da Unesco, será importante para fortalecer e alavancar os negócios na área da economia criativa. “Fortaleza já é uma cidade com uma forte presença de pequenos negócios nos segmentos da economia criativa. Estes negócios podem ser potencializados ainda mais a partir desta inclusão na rede da Unesco”.

ECRIATIVA

Durante a reunião do Comitê também foi dado informes sobre a participação dos representantes de Fortaleza no II Encontro Brasileiro de Cidades Criativas Unesco (Ecriativa). O encontro reuniu as oito cidades brasileiras integrantes da Rede Mundial, além de convidados que estão pleiteando a inclusão no colegiado. Na oportunidade, os representantes da capital cearense fizeram uma apresentação sobre os trabalhos de preparação da candidatura de Fortaleza.